Qual o impacto da tecnologia na gestão de empresas?

Qual o impacto da tecnologia na gestão de empresas?

Posted Leave a commentPosted in Tecnologia e Gestão

A tecnologia faz parte do nosso dia-a-dia, tanto na vida pessoal como na vida profissional. Já não conseguimos viver sem aceder à Internet e sem um telemóvel, pelo que cada vez mais a tecnologia assume um papel de destaque na nossa rotina. Nas empresas isto também se verifica, visto que em muitas áreas praticamente todo o trabalho gira em torno da rede. A tecnologia tem um impacto significativo nas organizações, permitindo melhorar processos e alcançar melhores resultados. No artigo de hoje, vamos perceber qual o impacto da tecnologia na gestão de empresas!

Redução de custos

Uma gestão de recursos mais eficiente permite reduzir significativamente os custos. A utilização da tecnologia é um grande aliado de uma boa gestão. Por exemplo, softwares como o Multipeers permitem acompanhar em tempo real tudo aquilo que se passa na empresa, dando uma visão global e atualizada sobre cada gasto e cada ganho. Deste modo, é possível tomar decisões imediatas e conscientes que irão beneficiar o negócio. Este acompanhamento contínuo, permite orientar os investimentos da empresa, evitando perdas desnecessárias. Também a utilização de soluções na Cloud permite reduzir custos com a manutenção dos equipamentos.

Melhor comunicação com os stakeholders

A tecnologia tem um forte impacto no relacionamento com os diversos públicos com os quais a empresa comunica. Hoje em dia, além dos meios convencionais de comunicação como telefone e e-mail, as empresas podem e devem comunicar com os seus públicos através de redes sociais e Whatsapp. A utilização de chatbots permite uma maior rapidez na resposta aos clientes e isso é uma grande vantagem competitiva no mundo empresarial atual, visto que o consumidor está cada vez mais exigente no que diz respeito à satisfação das suas necessidades.

Maior controlo sobre as operações e processos

Automatizar os processos de compras de uma empresa através da tecnologia garante que todas as ações realizadas estão em conformidade com as normas estabelecidas. Todas as ações feitas relacionadas com as compras devem ser introduzidas em ambiente digital para que seja possível consultar o seu histórico sempre que haja a necessidade de saber o que se passou com determinada compra. Espera-se que em 2020 o RPA tenha uma presença cada vez maior nas empresas, permitindo automatizar este tipo de processos e eliminar a burocracia e a probabilidade de errar.

Otimização das reuniões de trabalho

As reuniões são muitas vezes mais demoradas do que aquilo que era necessário, o que faz com que se perca muito tempo. Felizmente, existem softwares que permitem planear as reuniões, para que elas não durem mais do que o estritamente necessário. Do mesmo modo, é possível fazer reuniões através do Skype e de outros programas semelhantes, o que elimina a necessidade de todos estarem presentes fisicamente, reduzindo os gastos com a viagem.

Como tomar as decisões certas na minha empresa?

Como tomar as decisões certas na minha empresa?

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

A vida do gestor de uma empresa é cheia de desafios, imprevistos e responsabilidades. Erros não são bem aceitos e cada um deles gera consequências importantes para o funcionamento do negócio. O sucesso da empresa depende as inúmeras decisões que devem ser tomadas diariamente. Tomar decisões estratégicas assertivas hoje se transformou em um grande diferencial e aumenta a competitividade e as chances de sucesso. Não é mais aceitável contar apenas com o “feeling” do gestor. Mas diante de tantas dificuldades, como tomar decisões certas para a empresa? Certamente é com muito planejamento e com o uso de ferramentas que forneçam informações confiáveis para o negócio. Dessa forma você minimiza as chances de cometer erros. É preciso ter dados precisos e atualizados para fazer análises claras do cenário sociopolítico, das taxas de crescimento, da concorrência e de muitos outros itens que geram grandes impactos na decisão.

Identifique o problema

Um dos maiores erros dos gestores que ocasionam a tomada de decisões equivocadas é a falta de conhecimento e investigação da situação por completo. Sem esse cuidado, a decisão tomada pode não ser a mais adequada, gerando ainda mais problemas ou novos erros. É importante dedicar um pouco de tempo e esforço para entender qual é o ponto de inicio do problema e buscar alternativas que possam solucioná-lo. Muitas vezes a questão apresentada é apenas a consequência que outra situação que, se não for resolvida, continuará gerando prejuízos.

Tenha bons indicadores de desempenho

Os indicadores mostram o que está dando certo ou não na empresa. É imprescindível que você possa confiar nos números apresentados e que eles sejam atualizados. Também é importante escolher aqueles que são importantes para a sua empresa, já que existem muitos indicadores, mas nem todos demonstrarão dados relevantes para o seu negócio. Para conseguir que essas informações sejam eficientes, você deve contar com a ajuda da tecnologia e utilizar softwares de captação de dados que asseguram a agilidade e fidelidade das informações. Eles contam com recursos de business intelligence para “garimpar” as informações relevantes para a sua empresa e apresentá-las de maneira amigável, facilitando a sua interpretação.

Utilize um sistema de gestão empresarial

Com mais essa ajuda da tecnologia você simplifica o processo de registro e de organização de dados. O sistema ERP online reúne todas as informações registradas e permite que o gestor gere relatórios personalizados, em tempo real, além de projeções como fluxo de caixa. Com esses dados a análise dos cenários possíveis se torna muita mais fácil e isso ajuda na tomada de decisões. Ter dados precisos sem risco de falhas humanas permite uma visualização clara do que seu negócio precisa. Por exemplo, ao ter um software de controle de estoque você ganha tempo na gestão do seu estoque e precisão de informações.

Crie um planejamento eficiente

Para decisões mais complexas e, principalmente, de longo prazo, é preciso planejar com calma cada passo a ser dado, considerando todos os prós e contras de cada situação. Uma técnica bastante eficiente é a ferramenta 5W2H, um acrônimo de 7 perguntas, em inglês, que servem como base para desenvolver um bom planejamento estratégico.

  • What (o que será feito?)
  • Why (por que será feito?)
  • Where (onde será feito?)
  • When (quando?)
  • Who (por quem será feito?)
  • How (como será feito?)
  • How much (quanto vai custar?)

Conte com a sua equipe de trabalho

Para algumas decisões, principalmente aquelas que envolvem processos de trabalho e criatividade, é muito importante envolver a sua equipe de colaboradores. Faça uma reunião de brainstorming, e peça que seus funcionários pensem fora da caixa, encontrando soluções criativas e viáveis para os problemas encontrados.

Acompanhe os processos

Depois de ter tomado a decisão a ser tomada, e ter definido as ações que precisam ser feitas, é preciso continuar acompanhando os processos para ter certeza de que tudo está seguindo como deve ser. Para isso, os indicadores de desempenhos confiáveis continuam tendo grande importância para garantir que as análises sejam fiéis aos acontecimentos. Caso seja preciso indicar outra pessoa para ser o responsável pela condução do que foi planejado, assegure-se de que ela seja de confiança e, mesmo assim, esteja sempre inteirado sobre o que está acontecendo. Lembre-se de que você é o responsável pelas tomadas de decisões e será cobrado, mais cedo ou mais tarde, por elas. Com essas dicas certamente você conseguirá tomar decisões importantes para sua empresa de maneira mais rápida e objetiva, e terá a certeza de que a escolha será a melhor para os seus negócios.

Guestpost by GestãoClick

As principais vantagens de centralizar o acesso à informação

As principais vantagens de centralizar o acesso à informação

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

tecnologia mudou a forma como vivemos e como trabalhamos. Numa era cada vez mais tecnológica e digital, as empresas precisam de se focar em aumentar a sua competitividade e produtividade. Antigamente, a informação das empresas estava contida em documentos em papel, na maior parte das vezes desorganizados. Com a chegada da tecnologia, os ficheiros em Excel trouxeram maior organização às empresas, mas rapidamente tornaram-se obsoletos pois os negócios começaram a ter exigências maiores e mais sofisticadas. Atualmente, as empresas privilegiam softwares que permitem centralizar toda a informação do negócio numa só plataforma, como é o caso do Multipeers. É fundamental que as empresas saibam tirar o máximo partido destas ferramentas, pois isso traz inúmeros benefícios. A integração da informação do negócio é uma necessidade e uma realidade para que tenha uma visão 360 sobre tudo o que acontece. No artigo de hoje, vamos conhecer as principais vantagens de centralizar o acesso à informação!

Negócio mais organizado

Quando todas as informações de uma empresa estão centralizadas num único ponto, tudo fica mais organizado. Se tudo funcionar corretamente, não haverá informações perdidas ou esquecidas num qualquer lugar da empresa e é possível manter a ordem da informação de um modo prático. É importante organizar toda a informação que já existe e também criar regras para a entrada de novos dados. Sempre que existirem informações novas, estas devem ser categorizadas e organizadas, o que vai contribuir para a estruturação dos dados. Tudo isto faz com que seja mais fácil encontrar qualquer informação necessária, assim como garante maior segurança dos dados.

Maior integração de departamentos

A comunicação interna é uma área importantíssima nas empresas, mas infelizmente é uma das mais subestimadas. Os departamentos de uma empresa precisam uns dos outros para funcionarem corretamente, pelo que é essencial estabelecer relacionamento entre eles de forma consistente e coerente. O grande problema até agora era que cada departamento tinha a sua própria “linguagem” e forma de organizar as informações e isso fazia com que os outros departamentos não conseguissem entender a cem por cento o que se passava em cada setor. Com a centralização da informação é possível unificar a comunicação e favorecer o relacionamento entre departamentos diferentes. Ao utilizar uma só plataforma e ao criar regras para a introdução e categorização dos novos dados, é possível comunicar com maior clareza.

Consulta facilitada da informação

A informação disponibilizada pelas ferramentas BAM surge de um modo consolidado para que a sua consulta seja mais fácil e rápida. Pode optar por obter a informação através de gráficos de barras, gráficos multi-série, medidores, entre muitas outras opções. A informação pode ser exibida usando a apresentação mais adequada, melhorando a análise que o utilizador pode fazer de cada indicador. Além disso, cada indicador é totalmente personalizável de acordo com necessidades do negócio. Ao utilizar o desktop, no caso do Multipeers, pode ainda usar a ferramenta ticker, que lhe permite que divulgue notícias externas ou internas, mensagens e alertas, permitindo assim que todos os colaboradores estejam sempre a par do que de importante se passa na organização, o que faz com que todos estejam aptos para contribuir para uma tomada de decisão eficaz.

Redução da probabilidade de erro humano

Os processos manuais são mais suscetíveis de terem erros do que os processos automatizados. Ao utilizar uma ferramenta BAM é possível libertar os colaboradores para outras tarefas e conseguirá automatizar as tarefas mais repetitivas e aborrecidas. Desta forma, garante que não existe a necessidade de atualizar constantemente dados e de consultar relatórios. Tudo é definido previamente por si e nada falhará. Quanto mais etapas automatizar mais tempo terá para se concentrar noutras coisas importantes para melhorar o negócio.

Possibilidade de analisar o negócio em tempo real

Saber o que se passa em tempo real em cada departamento da organização é fundamental para que possa tomar decisões eficazes e conscientes. Softwares como o Multipeers permitem analisar todas as informações do seu negócio, oriundas das mais diversas fontes de dados, num só dashboard, através de uma forma simples e interativa. Ter todas as informações do negócio num só local permite-lhe fazer uma melhor gestão do tempo e tomar as decisões acertadas para o futuro da sua empresa.

 

Ter uma visão mais ampla é fundamental para conseguir acompanhar o negócio e tomar decisões acertadas. No dia-a-dia empresarial agitado de hoje em dia e com as exigências cada vez maiores dos consumidores, ter conhecimento sobre o mercado é uma arma obrigatória para se vencer. Faça download do nosso e-book sobre monitorização do negócio e saiba como um sistema BAM pode ajudar a sua empresa a crescer de modo sustentado!

 

 

5 razões para implementar a monitorização em tempo real no seu negócio

5 razões para implementar a monitorização em tempo real no seu negócio

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

Os negócios acontecem a um ritmo muito acelerado atualmente, o que obriga os gestores a acompanharem em tempo real tudo aquilo que se passa nas empresas. Hoje em dia, já não é aconselhável analisar apenas relatórios com alguns dias: o mercado exige que esteja sempre a par do que acontece no seu negócio. No artigo de hoje, apresentamos-lhe 5 razões para implementar a monitorização do seu negócio em tempo real!

Decisões mais eficientes

Se sabe exatamente o que se passa no seu negócio, vai ser mais fácil tomar a decisão certa. Analisar o negócio em tempo real vai dar-lhe todos os inputs necessários para que possa decidir conscientemente sobre o melhor rumo a tomar. Os relatórios com alguns dias apresentam informação desatualizada, que não corresponde ao estado real da empresa naquele momento. Por isso, muitas vezes as decisões tomadas são desajustadas e não beneficiam o negócio. Monitorizar o negócio em tempo real vai mudar este cenário, pois vai ter informação fidedigna na sua mão!

Identificação de oportunidades de negócio

Com a monitorização do negócio em tempo real poderá identificar oportunidades no exato momento em que elas aparecem, o que lhe permite estar sempre um passo à frente da concorrência. Uma flutuação na procura de um produto, por exemplo, poderá levá-lo a lançar uma campanha específica, aumentando as vendas e melhorando os resultados da empresa.

Possibilidade de alertas

Os softwares de monitorização do negócio como o Multipeers permitem que defina alertas de negócio sempre que acontecer um desvio ao que é considerado normal dentro da sua empresa. Onde quer que esteja, será notificado por SMS ou e-mail sobre eventuais alterações e poderá agir de imediato, antes mesmo de haver prejuízos para a organização.

Melhor gestão de pessoas

A informação em tempo real sobre os recursos humanos pode ser uma grande vantagem competitiva para as empresas que pretendem adaptar-se a mudanças mais rapidamente. Os sistemas de monitorização permitem obter dados imediatos sobre a distribuição dos colaboradores nos diferentes setores da empresa, bem como informação atualizada sobre a sua disponibilidade. Assim, torna-se mais fácil gerir equipas e otimizar o trabalho dos colaboradores, aumentando o rendimento coletivo.

Ligação a todas as fontes de dados

Os softwares de monitorização do negócio em tempo real como o Multipeers interagem diretamente com todas as suas fontes de dados tais como bases de dados, web services, MDX, Microsoft Excel, Feeds RSS, conteúdos multimédia, e-mail, aplicações, entre outros. Pode ainda construir os seus próprios conetores usando a API fornecida, para que nenhuma informação da sua organização fique perdida. Assim, num só dashboard vai encontrar informação completa e atualizada sobre tudo o que se passa na empresa!

Analisar os dados em tempo real é cada vez mais uma realidade nas empresas em todo o Mundo. Os negócios acontecem a um ritmo muito acelerado e é essencial que saiba o que está a acontecer na sua empresa para conseguir tomar as decisões mais adequadas para o seu negócio. Faça download do nosso e-book e saiba como uma ferramenta BAM o pode ajudar a gerir!

Conheça os 7 pecados capitais da era digital

Conheça os 7 pecados capitais da era digital

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

A transformação digital é um dos temas do momento e é impossível que uma empresa passe ao lado desta revolução. As empresas procuram continuamente soluções digitais que facilitem os seus processos de negócio e que sejam capazes de dar resposta a todas as suas necessidades. No entanto, nem sempre é fácil adaptar o trabalho de uma empresa a uma realidade digital e existem muitos erros que complicam a performance empresarial. No artigo de hoje, vamos abordar os 7 pecados capitais da era digital e dar dicas para que os possa evitar no seu negócio!

Não planear a implementação de tecnologias

Antes de partir para a implementação de uma estratégia digital é essencial avaliar as necessidades da empresa e os principais objetivos que a empresa pretende alcançar com a mudança. A transformação digital não é a cura para todos os problemas do negócio, mas se for bem implementada vai ajudar a melhorar o desempenho e a aumentar o sucesso. Muitas vezes, as empresas cometem o erro de adotar todas as tecnologias que encontram sem planear efetivamente o percurso digital que pretendem percorrer.

Complicar todos os processos

A maior parte das empresas complica a forma de trabalhar. A transformação digital traz consigo a metodologia ágil, que pretende aumentar a qualidade do serviço ao Cliente. Os softwares escolhidos devem ser intuitivos e bastante fáceis de atualizar, para que os utilizadores consigam usá-los sem ter que recorrer a técnicos especializados. Na hora de escolher um software, a eficácia e a simplicidade devem ser dos fatores mais importantes a ter em consideração.

Não envolver todos os colaboradores

Muitas vezes, os colaboradores resistem à mudança e isso acontece porque sentem que não são envolvidos em todo o processo de transformação digital. É importante mostrar a toda a equipa as vantagens da mudança, sobretudo vantagens diretamente relacionadas com o trabalho de cada um. A comunicação é essencial para que a transformação digital seja bem implementada.

Não integrar a transformação digital na estratégia global

Esta transformação deve fazer parte da estratégia global da empresa, pois só assim terá sucesso. É essencial saber onde a empresa pretende chegar, desenhar um processo de transformação e integrar esse plano na estratégia geral da empresa. As equipas devem trabalhar em conjunto rumo à modernização de processos nesta nova era digital.

Não contar com o apoio do CEO

É importante contar com o apoio da liderança e com o seu comprometimento na implementação da estratégia digital. A liderança deve estar empenhada no aumento do conhecimento aos seus colaboradores e participar ativamente na disseminação da nova cultura. Só através dos bons exemplos é que os colaboradores se sentirão empenhados e com vontade de adotar uma nova filosofia de trabalho.

Não dotar a equipa de novas competências

A transformação digital trouxe a necessidade de formar os colaboradores para novas competências. É muito importante que as equipas sejam formadas para esta nova forma de trabalhar, pois caso contrário sentir-se-ão frustradas por pensarem que não são capazes de abraças os novos desafios da nova era digital.

Não eleger um responsável pela transformação

O responsável pela transformação digital deve trabalhar no sentido de implementar esta nova filosofia de trabalho de forma contínua e consistente. Apesar deste processo ser comum a toda a organização, é importante que exista um responsável pela transformação digital que coordene todas as atividades e que envolva todas as pessoas.

Saiba como escolher o melhor software de gestão para a sua empresa

Saiba como escolher o melhor software de gestão para a sua empresa

Posted Leave a commentPosted in Uncategorized

Um software de gestão é uma importante ferramenta de trabalho e é um grande aliado da produtividade e da competitividade de qualquer organização. Escolher o melhor software não é uma tarefa fácil pois não basta ir pela escolha mais popular do mercado. É essencial que o software seja o mais indicado para o seu negócio e nem sempre é fácil perceber qual será a melhor escolha. No artigo de hoje, deixamos-lhe algumas dicas importantes para escolher o melhor sistema de gestão para a sua empresa.

Avaliação Inicial

Antes de partir para o mercado, é aconselhável que faça o trabalho de casa. Determine as necessidades da empresa a nível de software e tenha em consideração a opinião de diversos colaboradores, sobretudo daqueles que vão lidar com o software de gestão diariamente. Só depois de ter consciência daquilo que realmente precisa, é que vai estar preparado para escolher a melhor solução.

Privilegie a fácil implementação

Um software que seja muito complicado de implementar e cuja instalação demore muito tempo, à partida não será um software intuitivo e fácil de utilizar. O seu grande objetivo é encontrar um software de gestão que facilite o seu trabalho diário, por isso fuja dos softwares muito complexos, pois estes exigem muito tempo de formação para os colaboradores e isso prejudica o rendimento coletivo.

Tenha cuidado com a segurança

Um software de gestão vai saber tudo sobre o seu negócio. As informações confidenciais serão lá colocadas, pelo que é obrigatório escolher um software que garanta a proteção e segurança da sua informação. Se optar por um software as a Service (SaaS), deve conferir com atenção a política de backups do fornecedor e se escolher um produto instalado em servidor local, será necessário ter uma equipa que monitorize com frequência a segurança das informações.

Integração

É fundamental que escolha um software que possa ser integrado com diversas aplicações pois desta forma conseguirá uma visão global e integrada de tudo o que se passa no negócio. O software é transversal a toda a empresa, pelo que é fundamental que consiga englobar todas as áreas da atividade.

Valorize uma versão mobile

O Mundo está cada vez mais móvel e nas empresas essa realidade não é diferente. Em qualquer lugar, é possível consultarmos e-mails e até participar em reuniões com pessoas que estão no outro lado do Mundo. Antes de adquirir o software, verifique se existe uma boa versão mobile.

É essencial ter um bom software para garantir que o seu negócio terá sucesso. É aconselhável ligar o seu software a um sistema de monitorização do negócio como o Multipeers, pois desta forma será capaz de analisar o negócio em tempo real e receber alertas específicos sempre que alguma situação requer a sua atenção e intervenção!

5 filmes com lições de gestão e liderança

5 filmes com lições de gestão e liderança

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

Os melhores filmes com lições de liderança

Todos os momentos são bons para aprender e mesmo quando estamos a ver um filme, podemos retirar importantes lições que serão úteis no nosso dia-a-dia laboral. Existem diversos filmes que nos transmitem lições de gestão e liderança e neste artigo apresentamos os 5 filmes que todos os gestores de empresas devem ver!

A Rede Social

Quem não conhece o Facebook? Este filme mostra-nos o processo de criação da maior rede social do Mundo. A Rede Social é uma história real que nos conta os atritos da relação entre Mark Zuckerberg e Eduardo Saverin, os dois fundadores do Facebook. No filme, os dois entram em conflito até que Mark diminui a participação societária de Eduardo e este o processa, dando lugar a uma batalha na justiça.

Lição a reter: para gerir uma empresa de forma eficiente é essencial relacionar-se bem com os seus colegas e colaboradores. Não pode deixar que os atritos pessoais interfiram na relação laboral e deve lembrar-se sempre de que o foco deve estar nos objetivos empresariais e não nos objetivos individuais.

O Diabo veste Prada

Neste filme, a Revista “Runway” é dirigida pela mão de ferro de Miranda Priestley – a mais poderosa mulher no mundo da moda. “Runway” é um assustador desafio para quem quiser entrar nessa indústria. Para conseguir que “Runway” seja a Bíblia de Nova Iorque e até do Mundo, Miranda não poupa nada nem ninguém e é difícil alguém sobreviver às suas mãos! Assim, a tarefa como assistente de Miranda poderá abrir as portas à recém-formada Andy Sachs. Apesar de Andy ser a pessoa completamente errada para o trabalho, porque não sabe nada de marcas nem do mundo da moda, quando se propõe ocupar esse cargo irá demonstrar ter algo que as outras não têm: ela tem determinação e recusa falhar!

Lição a reter: os seus colaboradores contam consigo e esperam que lhes dê o conhecimento de que necessitam para desempenharem as suas funções. Em situações de crise, procure orientar a sua equipa, mostrando-lhes a importância do trabalho que desenvolvem para o sucesso da empresa. O papel de gestão e liderança revê-se muito na capacidade de ensinar.

Os Estagiários

Este filme conta a história de dois vendedores experientes que começam a trabalhar como estagiários no Google. Para garantirem o lugar, precisam de entrar numa competição com outros candidatos. No início, encontram dificuldades devido à grande diferença de idades e de conhecimentos entre eles e a nova geração. Contudo, no final conseguem aprender com os mais novos e os mais novos também aprendem com eles.

Lição a reter: valorize o conhecimento da sua equipa. Apesar da posição de gestão que ocupa, deve ter em conta que toda a gente tem algo para ensinar e que pode aprender bastante com os seus colaboradores. Incentive a partilha de ideias e conhecimentos entre os colaboradores, pois assim sentir-se-ão mais motivados para evoluir e trabalhar melhor.

O Homem que mudou o jogo

“O Homem que mudou o jogo” é um filme baseado na historia real de Billy Beane, adaptada ndo livro de Michael Lewis. O autor relata como Beane conseguiu levar a modesta equipa do Oakland Athletics a uma equipa de elite do basebol americano.

Lição a reter: corrija o erro dos seus colaboradores e maximize as potencialidades de cada um para obter o máximo da sua equipa. Faça as perguntas certas e motive os seus funcionários para darem o melhor de si em cada tarefa que executam. Só assim o resultado final será positivo e a sua função de gestão e liderança será concluída com sucesso!

O Jogo da Imitação

Este é um filme baseado em fatos reais que nos conta a história Alan Turing, um matemático com uma inteligência acima da média, que é bastante anti social. O filme passa-se durante a Segunda Guerra Mundial. Na ocasião, o governo britânico contratou uma equipa que tinha o objetivo de descodificar um famoso código utilizado pelos alemães para transmitir as suas mensagens de guerra.

Lição a reter: trabalhar em equipa é fundamental e não desistir perante as adversidades é das mensagens mais importantes que deve transmitir aos seus colaboradores enquanto responsável pela gestão e liderança. O filme também nos mostra a importância de utilizar sistemas de processamento de dados.

O impacto da automatização no dia-a-dia das empresas

O impacto da automatização no dia-a-dia das empresas

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

Saiba como a automatização afeta os negócios

A automatização é muito importante para as empresas atualmente e quanto mais automáticos forem os processos menor vai ser a possibilidade de errar e maior vai ser o profissionalismo da empresa. Neste artigo vamos abordar os principais aspetos do impacto da automatização no dia-a-dia das empresas!

Maior rendimento

A parceria correta entre o Homem e a máquina permite um maior rendimento no dia-a-dia. Permite ainda eliminar custos com excesso de mão-de-obra, pois consegue-se facilmente otimizar o trabalho dos colaboradores.

Menor margem de erro

A probabilidade de cometer erros diminui drasticamente quando os processos estão automatizados. Os procedimentos a seguir são do conhecimento do colaborador e acaba por ser mais fácil para ele desempenhar o seu trabalho de forma correta.

Diminuição de custos de produção

A automatização gera bastante poupança, na medida em que permite a eliminação de erros, redução do tempo para efetuar uma determinada tarefa e reduz a necessidade de um elevado número de colaboradores para desempenhar a mesma função. Uma automatização correta permite identificar facilmente pontos de ineficiência e atrasos, podendo estes ser corrigidos de imediato.

Redução do tempo de trabalho

O tempo necessário para realizar as tarefas diminui substancialmente, bem como a necessidade de realizar atividades puramente burocráticas e bastante aborrecidas. Desta forma, os colaboradores podem focar-se apenas nas suas verdadeiras tarefas.

Controlo efetivo das operações

Automatizar os processos de compras de uma empresa garante que todas as ações realizadas estão em conformidade com as normas estabelecidas. Todas as ações feitas relacionadas com as compras devem ser introduzidas em ambiente digital para que seja possível consultar o seu histórico sempre que haja a necessidade de saber o que se passou com determinada compra.

Gerir em tempo real

Softwares como o Multipeers permitem que se faça uma gestão do negócio em tempo real. Através da informação consolidada num dashboard simples e interativo, é possível criar relatórios de forma rápida e eficaz, sem gastar muito tempo a analisar dados.

Automatizar uma empresa é essencial para vencer no mundo competitivo de hoje em dia. Os consumidores estão cada vez mais informados e exigentes e é preciso acompanhar a evolução das suas necessidades para conseguir vencer a concorrência. Os softwares de gestão são importantes aliados da automatização e a sua aplicação correta traz todos os benefícios apresentados neste artigo!

Conheça as vantagens de um sistema BAM e saiba como pode tirar o máximo partido desta ferramenta!

Conheça os ganhos de fazer a gestão integrada da sua empresa

Conheça os ganhos de fazer a gestão integrada da sua empresa

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

Fazer a gestão integrada de uma empresa não é fácil. São muitas variáveis influenciadoras e sem ter um bom controle sobre todas elas fica difícil encontrar boas soluções.

E ter o controle de tudo que se passa dentro da sua empresa já foi algo extremamente inviável. Atualmente existem boas soluções que permitem esse tipo de análise e, assim, garantem que você possa tomar as melhores decisões de acordo com o que precisa para o seu dia-a-dia.

A melhor solução é fazer uma gestão integrada da sua empresa, interligando as mais variadas informações de rotina e garantindo agilidade na hora de tomar decisões e fazer o acompanhamento. Embora pareça algo complexo, um ERP pode ser tudo que você sempre precisou.

Conheça os ganhos de fazer a gestão integrada da sua empresa

O que é um ERP (sistema integrado de gestão)?

Um sistema ERP online nada mais é do que um software que é responsável pela organização de muitas atividades diversas de uma empresa, facilitando o acesso e o acompanhamento por cada gestor de qualquer lugar e em tempo real (pode conectar o seu ERP ao Multipeers).

E esse tipo de software não se limita apenas ao processo de recebimento dos dados, mas também apresenta análises e relatórios de grande importância para um gestor de qualquer tipo de empresa. É, sem dúvidas, uma ferramenta essencial para controle e análise organizacional.

Nele é possível realizar cadastro de clientes, controle financeiro, controle de estoque, emissão de notas fiscais eletrônicas dentro diversas outras funcionalidades. Ademais, não há o isolamento de informações por área ou setor da empresa. Os responsáveis irão lançar alguns dados no sistema e ele apresentará todos de maneira conjunta ao gestor.

Os ganhos de fazer a gestão integrada da sua empresa

Existem diversas razões para que você cogite seriamente usar um sistema de gestão integrada para aumentar a eficiência da sua empresa. Mais do que um simples sistema, essa ferramenta é uma grande revolução sobre gerenciamento de informações.

E tudo isso começa no sentido de centralizar tudo em um único lugar. O mais comum é encontrar empresas que apresentam diferentes programas para cada atividade. Ou seja, um software para o controle logístico, outro programa para contas a pagar, um terceiro para o controle da área de recursos humanos e assim sucessivamente.

O problema desse tipo de operação é justamente a dificuldade em obter análises e relatórios já que tudo que é registrado fica espalhado em programas diferentes. Com isso a unificação é obrigatoriamente feita por uma pessoa – o que não apenas torna o processo mais lento, como ainda aumenta a possibilidade de erros.

Um ERP elimina toda essa dificuldade na medida em que todas as áreas de uma empresa podem trabalhar com a mesma ferramenta. Assim, o gestor consegue acompanhar os processos de maneira centralizada – e tudo sem qualquer dificuldade.

Conheça os ganhos de fazer a gestão integrada da sua empresa

A empresa na palma da sua mão

Essa centralização das informações é especialmente importante para o gestor que identifica problemas na rotina organizacional. É comum encontrar casos em que os erros acontecem justamente em função de erros no modelo de controle da informação (muitas vezes realizados em planilhas manuais).

É o caso, por exemplo, de pagamentos. Quantas empresas não perdem dinheiro simplesmente pela falta de organização ou por não perceber que não terá recursos suficientes para quitá-las? Com o ERP tudo fica mais fácil já que o controle de tudo estará na palma da sua mão.

Para o gestor o melhor é o acompanhamento em tempo real de tudo que é lançado no sistema. Assim, quando você souber que algo precisa ser pago em um dia e não encontrar o lançamento já poderá cobrar o setor responsável, mitigando os erros que eventualmente venham a acontecer.

E não é apenas internamente que um sistema de gestão integrada garante bons resultados, mas também sobre as vendas. Isso porque o controle também é feito em tempo real, inclusive com cadastro de clientes – permitindo acompanhamento não apenas de resultados, mas também de fidelização e satisfação.

O sistema ainda permite que todo processo de venda seja feito de maneira simplificada – desde o orçamento inicial, passando pelo relacionamento e encarregando-se da emissão da nota fiscal.

Aproveite os ganhos de fazer a gestão integrada da sua empresa

Enfim, existem inúmeras razões para aderir ao ERP dentro da sua empresa. Controle, processos, gerenciamento da informação… Tudo isso vem de maneira a facilitara vida dos gestores independente do ramo de atuação. Não é apenas um software: trata-se de uma evolução completa da sua empresa.

Caso queira saber mais sobre como funciona um software de gestão empresarial e como ele pode aumentar os resultados e produtividade da sua empresa, fale connosco!

 

Um artigo by: https://gestaoclick.com.br/

ERP e CRM: tudo o que precisa saber sobre estes conceitos

ERP e CRM: tudo o que precisa saber sobre estes conceitos

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

A tecnologia mudou o modo como encaramos os negócios e como trabalhamos. Existem diversas soluções que nos ajudam no nosso dia-a-dia empresarial, automatizando processos e facilitando a consulta da informação. ERP e CRM são dois conceitos presentes em muitas empresas, mas existem muitas pessoas que ainda confundem os dois temas. Neste artigo, vamos mostrar-lhe tudo o que precisa de saber sobre ERP e CRM!

ERP: definição

ERP significa Entreprise Resource Planning, ou seja, Planeamento dos Recursos Corporativos. Surgiu no final dos anos 50, época em que se começou a aliar a gestão à tecnologia. Inicialmente, o seu objetivo era otimizar o tempo que se gastava em tarefas manuais, mas hoje este recurso é capaz de integrar todas as informações e processos de uma organização num só local.

A missão desta ferramenta é agrupar todos os departamentos da empresa, proporcionando uma melhor comunicação, através de um fluxo de informação contínuo. Este fator revela-se de grane utilidade pois os processos de uma empresa dependem uns dos outros e uma falha de comunicação ou perda de transmissão dos dados pode significar grandes perdas de produtividade e de lucro.

O ERP é, deste modo, o software mais básico de uma empresa e garante o controlo financeiro da organização. O ERP permite que deixe de usar dezenas de softwares isolados e garante um maior controlo sobre tudo o que se passa numa empresa.

CRM: definição

CRM é a sigla para Customer Relationship Management, ou seja, Gestão do relacionamento com o cliente e é utilizado por milhares de empresas para gerirem o seu relacionamento com os atuais e potenciais clientes.  Este software tem como objetivo proteger as informações comerciais de uma empresa. Ao mesmo tempo, um CRM ajuda a identificar as melhores ações e a melhor altura para contactar o cliente, de modo a impulsionar a venda. Do mesmo modo, permite avaliar objetivos e avaliar a equipa de vendas.

De modo resumido, podemos dizer que o ERP ajuda a:

– Reduzir os custos com TI, recursos humanos e perdas de produtividade;
– Reduzir os prazos de entrega, pois estimula a produtividade;
– Facilitar a gestão dos stocks e a compra e venda de mercadorias;
– Melhorar a gestão tributária.

De modo resumido, podemos dizer que o CRM ajuda a:

–  Reduzir custos com papel;
– Reduzir o tempo na procura de informações e documentos;
– Facilitar o a formação das equipas através do software;
– Aumentar as vendas, pois pode dedicar-se mais tempo às vendas e deixar de lado tarefas mais administrativas.

 

O Multipeers é um sistema BAM que permite conexão aos diversos softwares existentes numa empresa, facilitando a troca de informações entre eles e permitindo uma rápida e eficiente tomada de decisão.

Saiba como um sistema BAM pode ajudar a sua empresa a crescer!