5 dicas para melhorar a performance da sua equipa com dashboards

5 dicas para melhorar a performance da sua equipa com dashboards

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

Os dashboards são ferramentas cada vez mais importantes no mundo dos negócios. Um dashboard permite uma análise rápida e eficaz sobre o estado do negócio, permitindo uma grande poupança de tempo e uma maior assertividade na tomada de decisão. Contudo, nem sempre é fácil criar dashboards eficazes, pois os dados são tantos que se torna difícil transformá-los em informação. No artigo de hoje, deixamos-lhe 5 dicas para melhorar a performance da sua equipa com dashboards!

Selecione apenas informação pertinente

Neste campo, é preciso ter cuidado para não ter um dashboard demasiado “completo”, ou seja, com informação que não é relevante para a sua tomada de decisão. Isso só vai criar ruído visual e complicar a sua análise. Deve criar um dashboard de fácil leitura e apenas com os dados que realmente importam para si. Se conseguir criar um dashboard com informação útil e atual, será muito mais fácil saber que decisões deve tomar.

Crie um dashboard analítico

Este painel oferece informações detalhadas e utiliza-se para definir tendências em relação aos objetivos corporativos. Este painel permite que seja possível perceber os resultados de ações internas, bem como reações do público externo relativamente a campanhas. Um bom exemplo deste tipo de dashboard é o Google Analytics.

Atenção ao dashboard de ações do dia-a-dia

Este painel é utilizado pelas equipas de trabalho e foca-se nos processos que cada equipa necessita para desempenhar as suas funções. Os dados que constam deste painel visam identificar pontos críticos da operação, auxiliando a sua correção. Facilitam ainda a comunicação entre todos os membros de uma mesma equipa. É um dashboard que varia conforme o departamento da empresa e as atividades a realizar em cada dia.

Definição de alertas de negócio

Os gestores nem sempre conseguem identificar desvios nas rotinas de trabalho em tempo útil, o que compromete a produtividade do negócio. O dashboard vai juntar o histórico das operações da empresa e pode definir padrões para detetar desvios e anomalias em tempo real. Ao utilizar o Multipeers, o sistema é capaz de perceber que algo não está bem e de alertá-lo de imediato para que possa agir antes de se tornar um problema sério.

A análise dos dados não pode faltar

O dashboard analítico oferece informações detalhadas e utiliza-se para definir tendências em relação aos objetivos corporativos. Este painel permite que seja possível perceber os resultados de ações internas, bem como reações do público externo relativamente a campanhas. Um bom exemplo deste tipo de dashboard é o Google Analytics.

 

Que tipo de informação o meu dashboard deve mostrar?

Que tipo de informação o meu dashboard deve mostrar?

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

Os dahsboards são cada vez mais importantes no mundo dos negócios, visto que apresentam a informação mais importante de uma forma visual simples e intuitiva. Softwares como o Multipeers permitem que a informação seja apresentada de forma prática e esta é atualizada ao segundo, pois só com dados atuais é que as decisões tomadas serão benéficas para o futuro da empresa. Os dashboards permitem compreender qual o rumo que a empresa está a tomar e se os objetivos empresariais estão a ser atingidos. No entanto, se um dashboard não for personalizado da forma correta pode tornar-se numa ferramenta confusa, que complica a vida do gestor em vez de o ajudar. No artigo de hoje, abordamos o tipo de informação que o seu dashboard deve mostrar!

Informação executiva

Um dashboard executivo serve para simplificar a compreensão geral da informação. É um dashboard muito útil para analisar os KPI’s e todos os processos de uma empresa a nível global. Esta ferramenta executiva por norma baseia-se em metodologias de gestão, como o Balance Scorecard. O objetivo deste painel é dotar todos os executivos com o acesso a dados importantes para a avaliação correta de novas oportunidades e de pontos de melhoria. Um gestor de topo precisa de saber a cada minuto o que se passa na empresa, pois só assim conseguirá tomar decisões importantes e benéficas para todas as áreas da organização.

Informação de gestão de projetos

Os dashboards de gestão de projetos permitem acompanhar toda a gestão do projeto, desde atividades previstas, cronogramas, entre outros aspetos. É uma ferramenta muito importante porque diminui a probabilidade de errar e aumenta a eficácia da comunicação.

Informação de marketing

A área de marketing é muito importante em todas as empresas e só com um acompanhamento efetivo do que se passa neste setor é que a empresa consegue melhorar. Um dashboard de marketing com informação em tempo real sobre a atividade nas redes sociais de uma empresa permite identificar oportunidades no exato momento em que elas aparecem, o que lhe permite estar sempre um passo à frente da concorrência. Uma flutuação na procura de um produto, por exemplo, poderá levá-lo a lançar uma campanha específica, aumentando as vendas e melhorando os resultados da empresa.

Informação sobre análise de resultados

Este painel oferece informações detalhadas e utiliza-se para definir tendências em relação aos objetivos corporativos. Este painel permite que seja possível perceber os resultados de ações internas, bem como reações do público externo relativamente a campanhas. Um bom exemplo deste tipo de dashboard é o Google Analytics, que permite conhecer o comportamento exato dos visitantes do seu website.

Informação das operações do dia-a-dia

Este painel é utilizado pelas equipas de trabalho e foca-se nos processos que cada equipa necessita para desempenhar as suas funções. Os dados que constam deste painel visam identificar pontos críticos da operação, auxiliando a sua correção. Facilitam ainda a comunicação entre todos os membros de uma mesma equipa. É um dashboard que varia conforme o departamento da empresa e as atividades a realizar em cada dia.

7 Ferramentas de gestão que todos os empresários devem utilizar

Posted Leave a commentPosted in Dicas de Gestão

No dia-a-dia empresarial agitado, nem sempre é fácil conseguir gerir todos os projetos e tarefas. Felizmente existem aplicações e ferramentas de gestão que nos simplificam a vida caso sejam bem utilizadas. Neste artigo apresentamos-lhe 7 aplicações e ferramentas de gestão que todos os empresários devem utilizar!

Dropbox

A Dropbox é um serviço para armazenamento e partilha de arquivos. O seu conceito baseia-se na Cloud Computing e, através deste serviço (gratuito até um limite de espaço), pode criar uma pasta virtual no seu computador que ficará armazenada na nuvem e partilhá-la facilmente com quem quiser. Pode modificar e trabalhar na pasta como se fosse uma pasta normal e todos os arquivos estão protegidos mesmo que aconteça algo com o computador.

Ciclo PDCA

O ciclo PDCA é uma das ferramentas de gestão mais fundamental para a sua empresa porque ele segue 4 etapas indispensáveis para o seu bom funcionamento e eficiência. A sigla PDCA significa planear, executar, analisar e corrigir. A aplicação desta técnica em todas as tarefas e departamentos de uma empresa garante a otimização dos recursos e a melhoria constante do desempenho individual e coletivo.

Análise de KPI’s

Um KPI – indicador de performance – é um valor que demonstra se a empresa está a atingir os seus principais objetivos. A empresa pode e deve ter KPI’s bem definidos. Do mesmo modo, cada departamento e colaborador deve conhecer os seus KPI’s de modo a que possa trabalhar no sentido de atingir os seus objetivos e ajudar a empresa a crescer. “Se não sabemos para onde vamos qualquer caminho serve”: deste modo, é indispensável que cada colaborador conheça o seu papel na empresa para que possa orientar o seu trabalho diário no sentido de atingir todos os seus objetivos.

MindMeister

O MindMeister é um mapa mental online que lhe permite acrescentar ideias a um esquema, de modo a que todos os seus pensamentos relacionados com determinado projeto fiquem organizados no ecrã, de modo a conseguir tomar decisões mais facilmente. É uma forma prática e rápida de organizar a informação.

ERP

O ERP (entreprise resource planning) é o software de gestão que gere toda empresa e é a ferramenta mais básica que uma empresa deve ter. O ERP controla todos os processos da empresa e é uma ferramenta muito importante para que possa gerir e decidir com segurança-

Google Analytics

O Google Analytics permite-lhe analisar o estado do seu website. No mundo atual, em que todos vivemos online, o nível de desempenho do website é um indicador essencial para medir o sucesso do negócio. Esta ferramenta é gratuita e de fácil utilização e permite-lhe saber o número de visitas, origem das visitas, páginas mais vistas, entre muitos outros indicadores que lhe permitirão melhorar o seu website.

Análise de dados em tempo real

O mundo dos negócios é cada vez mais acelerado e é essencial que um gestor saiba, a cada momento, o que se passa na sua empresa. Analisar relatórios com alguns dias significa ter uma ação reativa aos acontecimentos, o que pode trazer prejuízos para a empresa. Assim, a análise de dados em tempo real é cada vez mais essencial no mundo empresarial. O Multipeers é um sistema BAM que permite analisar o negócio ao minuto, através de uma plataforma onde se encontram todas as informações da empresa, oriundas das diversas fontes de dados. Isto permite uma tomada de decisão mais rápida e altamente efetiva.

 

Conheça as vantagens do sistema BAM e saiba como estas ferramentas podem ajudar o seu negócio!

7 KPI’s obrigatórios para gestores de marketing

7 KPI’s obrigatórios para gestores de marketing

Posted Leave a commentPosted in Internet e Marketing

Conheça os KPI’s mais importantes para medir os seus resultados de marketing

Medir resultados de marketing digital é obrigatório se quiser identificar as áreas que precisam de melhorias e se quiser ter um bom desempenho. Ao analisar frequentemente os seus resultados de marketing, terá uma visão mais global sobre o negócio e conseguirá tomar decisões mais conscientes. O mundo do marketing é extremamente vasto e nem sempre é fácil saber quais os indicadores mais importantes para o negócio. Neste artigo apresentamos-lhe 7 KPI’s digitais obrigatórios para gestores de marketing!

Número de visitas ao website

Esta métrica é essencial e mostra quantas visitas teve no website num determinado período. É importante não confundir esta métrica com o número de pessoas que visitaram o site: este valor diz-nos quantas visitas os utilizadores fizeram ao seu site, podendo uma mesma pessoa ter entrado 10 ou mais vezes no site. Este indicador é fundamental para o sucesso do funil de vendas pois quantas mais visitas tiver, maior será a probabilidade de gerar leads e vendas. Pode encontrar este valor facilmente no painel do Google Analytics.

Número de visitas orgânicas

Dentro do número de visitas ao website, destaca-se o número de visitas orgânicas. As visitas orgânicas são aquelas que chegam ao seu site através de pesquisa no motor de busca. As pessoas conseguem chegar ao seu site pois ele apareceu nos resultados quando houve uma pesquisa por uma determinada palavra-chave. Assim, quanto mais visitas orgânicas tiver, melhor posicionado o seu site estará. Isso significa também que as palavras-chave que está a utilizar são as adequadas ao seu negócio e aquelas que o seu público-alvo utiliza.

Taxa de Conversão

Ter muitas visitas no website é muito importante e significa que o nosso site está com um bom desempenho e está a aparecer nos motores de busca. Contudo, não basta que o visitante navegue pelo site e saia sem deixar um contacto ou sem comprar alguma coisa. A taxa de conversão relaciona o número de visitantes ao website com o número de visitantes que efetivam uma compra. É um indicador muito importante pois permite-nos perceber se o nosso site está realmente intuitivo e se incentiva de modo claro à compra.

ROI

ROI significa return on investment e mede o resultado final de um investimento: relaciona todas as despesas envolvidas numa ação com os lucros obtidos graças a essa mesma ação. A fórmula para o cálculo do ROI é a seguinte: ROI = Lucro Líquido (Lucro total do Investimento – Custo do total Investimento) / Custo do Investimento. Se o ROI for superior a zero, significa que o investimento foi positivo para a empresa. Se tiver valores negativos, houve prejuízo.

Custo por lead

Este valor mostra-nos quanto custa à empresa adquirir um lead. Obtemos o valor após dividir a quantidade de dinheiro investida no marketing digital pelo número de leads gerados. Estudos referem que o custo por lead gerado através do marketing digital é cerca de 61% mais baixo do que os leads gerados pelo marketing tradicional. Saber quanto nos custa gerar um lead é essencial para que possamos redistribuir os investimentos e melhorar os resultados.

Visitas geradas pelas redes sociais

Se a sua empresa aposta na comunicação através das redes sociais, deve medir sempre o impacto que isso tem para o seu website e para o seu negócio. Não adianta colocar bom material nos perfis da empresa se depois isso não se traduz em visitas e em vendas. Semanalmente deve medir quantas visitas teve a partir de cada rede social e deve investir mais naquelas que mais visitas geram pelo website. Se uma rede social não gera qualquer visita, deve ponderar se vale a pena continuar a investir tempo nessa rede.

Taxa de rejeição

A taxa de rejeição mostra-nos a percentagem de visitantes que estiveram apenas numa página do seu site. Quanto maior for esta taxa, pior será para si pois significa que houve muitos visitantes a desistir rapidamente de navegar pelo seu site. Isto pode significar que o seu site está pouco apelativo ou que tem informação pouco relevante. Sempre que este valor for muito alto, deve investir tempo em melhorar o website. Caso contrário poderá perder muitas oportunidades de negócio.

Cada vez mais é essencial acompanhar em tempo real o estado do negócio e a situação de marketing da empresa. O marketing tem vindo a ganhar uma maior importância no mundo empresarial devido à grande competitividade que existe hoje em dia nos mercados.  Quer saber como pode acompanhar o seu negócio em tempo real? Conheça hoje mesmo o Multipeers!

Google

Ferramentas Google que irão ajudar o seu negócio

Posted Leave a commentPosted in Internet e Marketing

Saiba como o Google o pode ajudar com o seu negócio

O Google é o maior gigante da Internet e quem trabalhar com tecnologia já não consegue viver sem ele. O termo “googlar” (procurar informação sobre algo no motor de busca) faz parte do nosso dia-a-dia, mas o Google é muito mais que um motor de busca: é uma poderosa ferramenta capaz de o ajudar no seu negócio. Neste artigo apresentamos ferramentas gratuitas que o ajudarão a ter dias mais eficazes e produtivos!

Google My Business

Ferramentas Google que irão ajudar o seu negócio

O Google My Business presta informações muito úteis sobre um negócio, como morada, telefone e horário de funcionamento. Permite ainda que com apenas um clique possa ligar para a empresa. Esta é uma ferramenta gratuita e pode inserir lá toda a informação sobre a sua empresa. Funciona muito bem a nível local e é especialmente indicada para pequenos negócios. Através desta ferramenta pode ter direções de condução até à empresa e pedir para que seja a própria empresa a entrar em contacto consigo.

Google PageSpeed Insights

Ferramentas Google

Esta ferramenta online e gratuita permite-lhe verificar a velocidade com que o conteúdo do seu site é carregado. Além de indicar a velocidade a que o site é carregado, o Google PageSpeed Insights também lhe dá dicas de melhoria, para que consiga otimizar ao máximo o tempo de carregamento do website. É importante ter em conta que a velocidade de um website é um dos fatores mais importantes para ter um bom posicionamento no Google. Nos dias de hoje, o consumidor é muito apressado e não vai ter paciência para esperar que o seu site carregue e o mais certo é que passe para outro site e perca a oportunidade de ter um novo cliente.

Google Trends

Feramentas Google: Trends

É uma das ferramentas mais poderosas mas uma das mais subestimadas. O Google Trends é obrigatório para as empresas que gostam de produzir conteúdo relevante no momento. Esta ferramenta dá-nos informações sobre os temas mais pesquisados no momento, de acordo com a localização geográfica. É bom para o SEO e para o aumento das pesquisas nos sites e blogs. Permite acompanhar em tempo real tudo o que se passa no Mundo.

Google Alerts

Ferramentas Google: Alerts

Esta ferramenta permite que defina alertas para ser informado sempre que alguma menção sobre a sua empresa seja feita por algum site ou blog. É também muito importante para acompanhar a concorrência. Pode e deve definir alertas sobre os seus dois ou três maiores concorrentes de modo a não perder nada daquilo que estão a fazer no momento. Assim estará sempre informado e poderá agir de imediato para não ser ultrapassado pela concorrência.

Google Analytics

Google Analytics

Esta é uma ferramenta obrigatória se pretende ter uma boa presença online. Através do Google Analytics consegue acompanhar os resultados do seu website: número de visitas, visitas orgânicas, visitas vindas das redes sociais, taxa de rejeição, país com mais visitas, entre muitas outras métricas que o ajudarão a compreender o estado em que o seu website se encontra. Com o Google Analytics pode implementar ações para melhorar a performance do seu website e consequentemente vender mais.

Keyword Planner

Google Adwords Keyword Planner

O Keyword Planner está inserido no Google Adwords. O Adwords permite criar anúncios pagos que colocam o site da sua empresa em primeiro lugar. Contudo, o Keyword Planner é gratuito e é uma ferramenta poderosíssima para encontrar as keywords certas para o seu negócio. Esta ferramenta indica-lhe a média de pesquisa mensal sobre uma determinada keyword e além disso ainda lhe diz se tem uma competição alta, média ou baixa. Assim, consegue perceber se a keyword é boa ou má e se vale a pena investir nela no seu website!